segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Taquaritinga do Norte voltando no tempo


 

Esta matéria abaixo foi publicada neste blog faz exatos três anos. Veja e entenda o que aconteceu e ainda vai acontecer com os gestores do mandato passado, pois o município de   Taquaritinga, por irresponsabilidade, chegou a gastar 67% de suas receitas com pessoal (máximo permitido por lei é 54%), quase 25 milhões de reais, uma fábula para um município pobre torrar com o famoso curral eleitoral. Veja, analise, forme sua opinião sobre essa maneira de administrar os recursos que são do povo de nossa terra, o sofrido município de Taquaritinga do Norte-PE.

Jânio Arruda

 A seguir, na íntegra a matéria de três anos passados:

quinta-feira, 20 de novembro de 2014
TAQUARITINGA É NOTÍCIA - 90 MUNICÍPIOS NÃO CUMPREM A LRF

GESTÃO PÚBLICA - PRATICAMENTE METADE DAS CIDADES PERNAMBUCANAS ULTRAPASSA, ATUALMENTE, O LIMITE LEGAL PARA COMPROMETIMENTO DA RECEITA COM DESPESAS DE PESSOAL.


TAQUARITINGA DO NORTE É 12ª COLOCADA, ENTRE AS PIORES, COMPROMETE ATUALMENTE COM PESSOAL 67% DA RECEITA COM DESPESAS DE FOLHA DE PAGAMENTO (PESSOAL), QUE CORRESPONDE AO VALOR DE 24,9 MILHÕES DE REAIS, NESTE ANO DE 2014 ATÉ A DATA APURADA, FALTANDO AINDA OS PAGAMENTOS ATÉ O 31 DE DEZEMBRO, QUANDO A RECEITA ATÉ O FINAL DESTE EXERCÍCIO ESTÁ ESTIMADA EM 40,0 MILHÕES DE REAIS.


A PÍFIA ADMINISTRAÇÃO, QUE IMPLANTOU O MODO CALABAR DE GOVERNAR, LEVOU O MUNICÍPIO A UMA SITUAÇÃO DE CAOS, HOJE A PREFEITURA SUSTENTA UMA FOLHA DE PAGAMENTO ONDE BOA PARTE LÁ ESTÁ, APENAS POR QUESTÕES POLÍTICAS É UM VERDADEIRO "CURRAL ELEITORAL", SÃO VOTOS CARÍSSIMOS E QUEM PAGA A CONTA É O POVO DE NOSSA BELA E DESGOVERNADA TAQUARITINGA DO NORTE.


Jânio Arruda
FONTE JORNAL DO COMERCIO DE 19.11.2014 - Política Página 4.

Deputado Federal André de Paula trabalhando sem parar



André de Paula


Encerrei a agenda do domingo em Macaparana, ao lado do prefeito Maviael Cavalcanti, participando da procissão e missa em ação de graças em homenagem à padroeira do município, Nossa Senhora do Amparo, celebrada pelo pároco da cidade, Christiano de Souza e Silva. A festa, que este ano trouxe como tema "Missão, servir sem medo", movimentou toda a comunidade católica do município e também contou com a presença da vice-prefeita, dona Loura; da primeira-dama, Mauricéia Cavalcanti; de vereadores e lideranças políticas locais e da região.

Fotos: Renato Moreira/Assessoria
 

Aniversariante do dia

Nossos parabéns para Jânio Bezerra que completa idade nova nesta data.


Aniversariante do dia

Nossos parabéns para José de Lima (Zé Eletricista) que faz aniversário nesta data.


Aniversariante do dia

Nossos parabéns para Aline Line que completa idade nova nesta data.


Frase do dia

Resultado de imagem para lula

Éramos contra o impeachment, e ele aconteceu. Éramos contra a reforma trabalhista, e ela aconteceu. E agora a Previdência. Se não tomarmos cuidado, ela vai acontecer.

Lula

Charge do dia



Da Coluna de Inaldo Sampaio



“Sou candidato a governador e vou ganhar a eleição”, diz FBC
Postadopor Inaldo Sampaio

Coluna Fogo Cruzado
Fernando Bezerra Coelho está convencido de que irá ao segundo turno com Paulo Câmara

O senador Fernando Bezerra Coelho informa à coluna que após demorada reflexão sobre o cenário político estadual para 2018, decidiu: “Sou candidato a governador e vou derrotar esse governo (Paulo Câmara) por muitos votos”. Foi a primeira vez nos últimos 60 dias que o senador assumiu-se claramente como candidato ao Palácio do Campo das Princesas, sem embargo do diálogo mantido com outras forças políticas da Oposição a exemplo do senador Armando Monteiro, do ministro Mendonça Filho e do ex-ministro Bruno Araújo. Ele nota disposição em Armando no sentido de concorrer pela segunda vez ao Governo do Estado, percebe Mendonça na expectativa de compor a chapa de Alckmin como representante do DEM na região Nordeste e vê interesse em Bruno Araújo no sentido de disputar uma vaga de senador. Por esse motivo, pretende repetir a mesma estratégia utilizada por Eduardo Campos em 2006: pé na estrada para chegar ao ano da eleição tendo visitado praticamente todos os municípios pernambucanos. O senador se convenceu de que a eleição será em dois turnos e que os finalistas serão ele e Paulo Câmara. No segundo turno, que será nova eleição, o processo se encarregaria de reunir todos contra o governador – de Marília Arraes a Antonio Campos, de Armando Monteiro a Bruno Araújo, de Mendonça Filho a Humberto Costa, passando ainda por Raul Jungmann, Elias Gomes, João Lyra Neto, Sílvio Costa, Joaquim Francisco e Priscila Krause.

Vitória política
Resultado de imagem para jarbas vasconcelos
Questionado sobre a disputa político-jurídica com Jarbas Vasconcelos pelo controle do PMDB estadual, Fernando Bezerra Coelho respondeu: “Nossa defesa está bem encaminhada, mas politicamente isso já está resolvido! O partido é nosso. No entanto, mesmo que a gente perca na justiça, a direção nacional irá reunir-se no próximo dia 17/12 e dará a palavra final em nosso favor”.

Conselho – Segundo Fernando Bezerra, Jarbas e Raul Henry alegaram em suas ações que só quem pode intervir em diretórios estaduais é o “conselho político” do PMDB, órgão que nunca se reuniu e que foi extirpado do estatuto do partido em 2014. “Portanto, o estatuto que vai valer é o que a direção nacional disser que vale”.

Parecer – O senador também não tem dúvida de que o parecer do deputado Baleia Rossi (PMDB-SP) será favorável à dissolução do PMDB Pernambuco, bem como à sua reestruturação sob o comando dele, do filho, Fernandinho, ministro de Temer, e do prefeito Miguel Coelho (Petrolina).

Placar – Fernando Bezerra e o presidente nacional do PMDB, Romero Jucá, já mapearam os votos dos 23 membros da executiva nacional do partido. Na pior das hipóteses, diz ele, 17 dos 23 membros votarão em seu favor para dar uma “nova orientação política” ao PMDB estadual.

O centro – Alckmin inicia hoje por Pernambuco sua caminhada em direção à Presidência da República. Para o Brasil, que atravessa dias turbulentos, é o melhor candidato: experiência comprovada, sensatez, equilíbrio e probidade. Mas a decepção do povo com políticos tradicionais é tanta que eventual eleição de Bolsonaro ou de Luciano Huck seria um desastre, mas não uma surpresa.

Pode mais – Júlio Lossio (PMDB), ex-prefeito de Petrolina, lançou na cidade o movimento “Pernambuco pode mais” e pretende visitar todos os municípios do Estado empunhando esta bandeira. Não será um movimento “de esquerda, nem de direita”, e sim em favor do Estado.

Pré-candidato, Dias diz que políticos precisam mudar



Postado por Magno Martins


Discursando contra os partidos políticos —que definiu como atores de um "quadro deteriorado", que "mergulhou pais num oceano de dificuldades"—, o senador Alvaro Dias (Podemos-PR) divulgou, neste domingo (19), a sua pré-candidatura à Presidência em 2018.

Dias participou de um evento na Assembleia Legislativa de São Paulo, promovido pela juventude de seu partido. Elogiou as ações de combate à corrupção do Ministério Público, da Justiça e da Polícia Federal. Citou dois "ícones da Justiça": os juízes da lava Jato Sergio Moro e Marcelo Bretas).

"Ou [os políticos] mudamos, ou seremos atropelados por esse sentimento irresistível", afirmou.

"Organizações criminosas", "lavanderias do dinheiro público", "filhos do Petrolão" e "sanguessugas" foram alguns dos termos que o senador usou para se referir à classe política.

À Folha ele afirmou discordar de "muitos analistas" que veem, neste momento, uma possibilidade de polarização eleitoral entre o ex-presidente Lula (PT), à esquerda, e o deputado federal (Jair Bolsonaro), à direita.

O senador registrou 4% das intenções de voto na última pesquisa Datafolha, em outubro. Lula tem 36% e Bolsonaro, 16%.

PT avalia que candidatura Lula será impugnada



Postado por Magno Martins

Josias de Souza

Embora não admita publicamente, a cúpula do PT avalia que dificilmente Lula conseguirá disputar a Presidência da República em 2018. A despeito disso, dirigentes do partido informaram a aliados que a candidatura do ex-presidente será mantida até as últimas consequências.

Dá-se de barato no petismo que o TRF da 4ª Região, sediado em Porto Alegre, confirmará a sentença do juiz Sergio Moro que condenou Lula a 9 anos e meio de cadeia. Nessa hipótese, a Lei da Ficha Limpa o impediria de disputar eleições. O PT se equipa para guerrear na Justiça.

O partido não cogita substituir o candidato senão em último caso, depois que a Justiça Eleitoral impugnar o registro da candidatura. A estratégia afungenta até aliados tradicionais. O PCdoB, por exemplo, já lançou a candidatura presidencial da deputada estadual gaúcha Manuela D’ávila. O PSB, depois de se reunir com a presidente petista Gleisi Hoffmann, também tomou distância.

Temer fortalece Maia em trocas no primeiro escalão


Postado por Magno Martins




O presidente Michel Temer se reúne com Rodrigo Maia na residência oficial do presidente da Câmara dos Deputados Foto: Jorge William/ Agência O Globo

Além de emplacar aliado no Ministério das Cidades, presidente da Câmara deve dar aval para mudança no comando do BNDES, cujo titular está sob pressão da base

O Estado de S.Paulo - Igor Gadelha

As mudanças no primeiro escalão que o presidente Michel Temer vai anunciar nos próximos dias irão fortalecer o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Além de decidir entregar o Ministério das Cidades a um aliado de Maia, o governo já prepara a troca do comando do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) – defendida pelo presidente da Câmara.

Temer quer manter uma boa relação com Maia em razão da posição estratégica do deputado. Como presidente da Câmara, ele é responsável pelo cronograma de votação do plenário, o que inclui a reforma da Previdência e as medidas fiscais já enviadas pelo governo. O governo também precisa de Maia para votar os ajustes na reforma trabalhista, na medida provisória enviada pelo Planalto, o que contrariou o deputado, que defendia as mudanças por projeto de lei.


Neste domingo, Temer foi à casa de Maia para um almoço do qual participou o deputado Alexandre Baldy (sem partido-GO). Um dos principais aliados de Maia, Baldy foi convidado oficialmente para substituir Bruno Araújo (PSDB-PE) nas Cidades e aceitou. Parlamentares da base aliada e integrantes do núcleo político do governo também participaram do encontro, que se estendeu por toda a tarde.

Segundo um ministro próximo de Temer, o presidente deve indicar um nome que tenha aval de Maia para comandar o BNDES, maior fonte de financiamento hoje no País.

Da Coluna de Edmar Lyra


 by Edmar LyraLeave a Comment


Oposição quer dar pontapé no dia 8 de dezembro

Durante a visita do governador de São Paulo Geraldo Alckmin, o deputado federal Bruno Araújo enfatizou que o PSDB de Pernambuco ficará em campo oposto ao PSB do governador Paulo Câmara e confidenciou que no dia 8 de dezembro a oposição composta por Armando Monteiro, Mendonça Filho, Fernando Bezerra Coelho e ele próprio estará reunida numa agenda que discutirá a segurança pública, que é, de acordo com pesquisas de opinião, o principal problema de Pernambuco.

A oposição segue cada vez mais afinada porque considera que o ciclo do PSB em Pernambuco está no fim, pois o partido não tem mais Eduardo Campos que era um político acima da média e completará em 2018 nada menos do que doze anos de poder. Na ótica dos opositores de Paulo Câmara, o modelo de gestão do PSB se exauriu e não há argumento consistente para que o partido consiga se sustentar por dezesseis anos no comando do estado.

Além da fadiga de material, os líderes da oposição avaliam que existe um deficit de liderança por parte do governador Paulo Câmara e por isso nada que ele venha dizer ou fazer conseguirá reverter a onda de rejeição ao seu governo. Há quem defenda, inclusive, que a coligação seja chamada de União por Pernambuco, uma vez que se trata da maior unidade já vista no estado desde que o PSB reconquistou o governo em 2006, reeditando a vitoriosa coligação que desbancou Miguel Arraes em 1998.

Há uma convergência de ideias e de projetos, onde Armando Monteiro e Bruno Araújo estariam inclinados a apoiar uma chapa encabeçada por Fernando Bezerra Coelho, também não se descarta que este grupo possa emplacar o ministro da Educação Mendonça Filho numa chapa presidencial como candidato a vice-presidente, pois se entende que o Nordeste tem força para indicar o nome e Mendonça representaria com louvor não só o seu partido como todas as forças convergentes de Pernambuco pelo excelente trabalho que vem desempenhando a frente do MEC, se tornando uma unanimidade positiva do governo Michel Temer.

A oposição ainda acredita que poderá atrair grupos flutuantes como é o caso dos prefeitos Anderson Ferreira, Professor Lupércio e Lula Cabral, que ainda não bateram o martelo sobre quem será o candidato apoiado por eles. Os líderes da oposição consideram que o PSB não conseguiu valorizar o tamanho político dos três prefeitos e por isso não trata com a atenção necessária que eles merecem.

A partir de 8 de dezembro o quadro ficará mais claro e muito provavelmente na primeira quinzena de janeiro os nomes da chapa majoritária da oposição estarão apresentados ao povo pernambucano para tentar fazer frente a hegemonia do PSB no estado.

Desdém – Apesar de ter obtido 30.782 dos 97.269 votos no Cabo de Santo Agostinho, equivalente a 31,6% da sua votação total, o deputado federal Betinho Gomes tratou com desdém o município responsável pela maior parte da sua votação nas emendas ao Orçamento Geral da União 2018, destinando apenas R$ 450 mil para o município dos R$ 14 milhões que tem direito. O valor corresponde a apenas 2,8% do montante das suas emendas parlamentares.

Encontro – Horas depois de ser lançado como pré-candidato do PSC à Presidência da República, em evento em Salvador, no sábado (18), o presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, desembarcou no Recife e foi recebido pelo deputado estadual André Ferreira, que comanda a legenda em Pernambuco. Durante a conversa, Rabello disse estar satisfeito com a possibilidade de disputar a sucessão do presidente Michel Temer e que vai percorrer o País para apresentar as suas propostas.

Apoio – O deputado federal Jarbas Vasconcelos recebeu o governador de São Paulo Geraldo Alckmin neste domingo e declarou apoio ao tucano na disputa pela presidência da República em 2018 independentemente da orientação do PMDB nacional. Alckmin e Jarbas foram governadores juntos entre 2001 e 2006 e nutrem uma relação de amizade e respeito.

Animado – O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe Edson Vieira está bastante animado com sua pré-candidatura a deputado federal pelo PSDB para representar o Agreste na Câmara dos Deputados. Soldado de Bruno Araújo, Edson torce que o ex-ministro das Cidades seja candidato majoritário em 2018 para ficar com o caminho livre para tentar um voo rumo à Brasília.

RÁPIDAS

Proposta – O deputado estadual Beto Accioly (PSL) apresentou um projeto de Lei que inclui a consciência política no ensino médio, já tramitando na Casa Joaquim Nabuco. A proposição visa abordar assuntos como ética na política, transparência, respeito ao erário e noções de administração pública para que haja uma melhor formação de cidadãos para as gerações futuras.

Estadual – O vereador do Recife Wanderson Florêncio, que obteve 8.701 votos em 2016, vem costurando sua candidatura a deputado estadual em 2018. Considerado um dos melhores vereadores do Recife, Wanderson tem qualificação de sobra para representar Pernambuco na Casa Joaquim Nabuco.

Inocente quer saber – Quando o deputado federal Daniel Coelho oficializará sua saída do PSDB de Pernambuco?

domingo, 19 de novembro de 2017

Audiência do Grupo de Oposição de Taquartinga do Norte com o Governador Paulo Câmara

Publicamos aqui mais algumas fotos da conversa com o Governador Paulo Câmara,  realizada no último dia 13,  no Palácio do Governo em Recife, quando o grupo de oposição de Taquaritinga do Norte fez várias solicitação ao Governador de Pernambuco.

 















Dia da Bandeira (19/novembro)

Hoje apenas estou repetindo a postagem que fiz ano passado, continua atualizadíssima, e acho que é necessário ser repetida várias vezes, todos os dias, neste nosso Brasil, nossa terra, nossa pátria, que tantos não aprenderam a lição de patriotismo, ética e amor a terra que nasceu.


Segue a postagem.

Acredito que ninguém melhor que o amigo nortetaquaritinguense Valdir Leal é indicado para fazer uma homenagem a Bandeira do Brasil, pelo conhecimento e pelo amor devotado a nossa pátria. Razão que fui buscar no facebook desse Grande Brasileiro a nossa também homenagem ao nosso símbolo Maior.
Obrigado Valdir.

Jânio Arruda




Valdir Leal


Hoje é dia da bandeira nacional, ícone maior do nosso patriotismo; símbolo que aprendemos a amar (ou aprendíamos) na nossa tenra infância; o lábaro ardente que os soldados das Forças Armadas juram, solenemente, defender com o sacrifício da própria vida.
Vale ressaltar que esses ensinamentos nem sempre nos são ministrados no seio familiar, e, sim na escola onde estudamos, nos grupos de escoteiros e similares, nos clubes ou associações que estimulam o culto aos paradigmas morais; mas é essencial que cultivemos esses valores a fim de embasar o fortalecimento de nossas virtudes.
Por amor a Taquaritinga, minha pequena pátria, compus o seguinte poema à sua bandeira:

Lábaro imponente, de raro esplendor,
Que traz em seu pano o orgulho de um povo
Ardente na luta, fiel no combate,
Não clama a derrota, tampouco se abate,
Erguendo o estandarte de imenso valor.

Pendão da taquara, de humano calor,
Que dá o alimento a seu filho que planta
E traz avivada na sua memória,
A origem sagrada contada na história,
Da serra onde brotam cascatas de amor.

Bandeira querida, que em seu tremular,
Carrega, altaneira, em seu manto sagrado,
Sabor de vitória que em si representa,
Da gente que clama e com o grito acalenta,
A fé reluzente no seu despertar.

Ó, Deus, ilumina esse nosso rincão,
Gerado e nascido da tua bondade,
Protege e abençoa essa gente guerreira,
Acolhe em teus braços a nossa bandeira,
Retrato maior desse caro torrão.

VALDIR LEAL

Jucazinho enfrenta pior cenário desde sua inauguração





O colapso de Jucazinho já dura nada menos que um ano e dois meses


Segundo a Compesa, a barragem está na região que possui o pior balanço hídrico do Brasil
Foto: Arnaldo Carvalho/ JC Imagem

Colapso: crise, perecimento, agonia. Todos os sinônimos são totalmente aplicáveis para definir a situação da Barragem de Jucazinho, no município de Surubim, Agreste do Estado. E também dos que dependem dela. O colapso já dura nada menos que um ano e dois meses. A população se vira como pode.

Após sofrer seis anos consecutivos de seca, este é o pior cenário da barragem desde a inauguração em 2000. O ajudante de eletricista Carlos Roberto Rocha de Lima, 52 anos, viu a barragem ser construída e disse que nunca a encontrou nessa situação. “Nunca pensei que fosse ver o leito assim, nessa secura só. Dá uma tristeza muito grande. Esse reservatório salvava toda a região”, disse.

A última vez que Jucazinho sangrou foi em maio de 2011. Carlos lembra bem. Com saudade. “Foi uma festa. Tudo isso aqui estava cheio. De água e de gente. Veio um pessoal de várias cidades pra admirar a barragem sangrando. Foi lindo”, disse, com brilho nos olhos.

Mas o brilho ficou opaco, vazio como o reservatório. No espaço com capacidade para 327 milhões de metros cúbicos de água se pode caminhar tranquilamente. Onde ainda existe água ela não chega nem ao calcanhar. Impressiona ver um reservatório que poderia fornecer até 1.300 litros de água por segundo não encher uma simples cisterna.

O tom vermelho da terra reforça o aspecto de devastação, evidenciada pelos peixes mortos encontrados no leito e pela carcaça de um cavalo a um metro de uma pequena poça-d’água barrenta. Ele não resistiu a distância. Nem o rio à seca.

Quinze municípios são (ou deveriam ser) atendidos pela barragem. O número de 800 mil pessoas beneficiadas, agora prejudicadas, é gritante. Um grito de socorro que aliás vem de bem perto. A menos de 500 metros do paredão da barragem, dona Ivonete Domerina de Arruda, 54 anos, sofre para manter o abastecimento d’água na casa, em uma pequena vila.

Apesar da idade avançada, ela desce duas vezes por dia até o leito da barragem, levando tonéis em um carro de mão. “Não é fácil achar água e quando acha é suja e fedida. Mas fazer o quê? Não tem outra opção. Então, é ela que eu uso para matar a sede dos animais e lavar os pratos e roupas. Lavar é jeito de dizer, porque parece que tá sujando mais”, reclama Ivonete.

O agricultor José Petronilo da Silva, 75 anos, também se queixa. Em tempos de crise e seca, está tendo que usar o pouco dinheiro que tem para comprar água em carro-pipa com os outros moradores da vila, mesmo morando bem ao lado da barragem. “A gente se vira como pode, né? O pessoal aqui se reúne, cada um dá uma coisinha, e paga uns 300 reais para o carro pipa vir pra cá. Mas quando divide quase não dá pra nada”, contou seu José. Quando questionado como é viver assim, ele recorre à sabedoria popular: “Sem água não dá, meu filho! Sem água até passarinho morre!”.
COMPESA

Segundo a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), a barragem está na região que possui o pior balanço hídrico do Brasil. De acordo com a companhia, várias obras estão sendo realizadas atender a população. “Fizemos uma interligação com do Sistema Palmeirinha com o de Jucazinho para levar água a Surubim e região. Na Mata Norte, fizemos a interligação com o Sistema Siriji. Já na Mata Sul fizemos a obra da Adutora do Pirangi e está em licitação a Adutora de Serro Azul. Além disso, fizemos pequenas obras de inversão de fluxo. Tudo para apoiar a população neste momento difícil”, garantiu o presidente da companhia, Roberto Tavares.

De acordo com ele, a principal aposta para garantir a sustentabilidade hídrica da região é a Adutora do Agreste que deve receber as águas da Transposição do Rio São Francisco. “As secas sempre existirão, mas a gente precisa ter segurança hídrica, e isso virá com a transposição. Ela por si só não resolve o problema, precisa das adutoras para trazer a água para as cidades. Nesse conjunto a mais representativa é a Adutora do Agreste. Temos feito essa obra com muito esforço, ela só não está pronta porque os recursos federais não tem chegado a contento”, disse Roberto Tavares.

Fórum Mundial da Água será realizado em Brasília em março de 2018



Postado por Inaldo Sampaio


Está marcado para 17 a 23 de março de 2018 no Estádio Mané Garrincha e no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília, o 8º Fórum Mundial da Água que deverá ser aberto pelo presidente Michel Temer e o ministro Helder Barbalho (Integração Nacional).

O diretor executivo do fórum e diretor da Agência Nacional de Águas (ANA), Ricardo Medeiros de Andrade, disse que sua expectativa é que a temática transcenda o período de realização do grande evento.

Segundo explicou, para sediar este Fórum, que deverá atrair aproximadamente 40 mil pessoas, o Brasil se candidatou com bastante antecedência, precisamente há três anos quando ocorreu a sétima edição do evento na Coreia do Sul.

“Esse processo vem sendo arregimentando faz um bom tempo. Hoje contamos com o respaldo muito forte dos governos federal e de Brasília”, disse o presidente da ANA para profissionais da Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

A geografia, disse ele, foi um dos fatores que contribuíram para que o Brasil sediasse o Fórum. Como as edições anteriores se concentraram em países localizados no Hemisfério Norte, as autoridades brasileiras deram ênfase ao fato de que o Brasil, sendo escolhido para receber este evento, iria atraí-lo para o Hemisfério Sul.

Atualmente, mais de 70 instituições estão engajadas na realização do fórum. E, até o momento, 17 países confirmaram participação no evento.

Aniversariante do dia

Nossos parabéns para Maria das Neves Albino que faz aniversário nesta data.


Aniversariante do dia

Nossos parabéns para Gercilene Soraia que completa idade nova nesta data.


Aniversariante do dia

Nossos parabéns para Pollyana Beatriz que completa idade nova nesta data.


Aniversariante do dia

Nossos parabéns para Izabel Lima que completa idade nova nesta data.